Páginas

Quatro maneiras de aderir às tranças, tendência de beleza deste verão




Há quatro bons motivos para aderir as tranças nesta estação: elas estão super em alta, podem ser usadas de mil maneiras e diferentes ocasiões, ficam bem em todos os tipos de cabelo e ainda rejuvenecem. A cabeleireira Gabriela Gusso, que venceu o desafio do programa por um fio, do canal GNT, criou especialmente para você quatro looks inspiradores para usar na praia, no calçadão, em um pool party...


PRESO SOFISTICADO 
Um cabelo que deixa a nuca à mostra é sexy e prático. Ainda mais em janeiro, quando o calor reduz a durabilidade da escova. A melhor pedida para um visual antenado são as tranças laterais. Elas apareceram incontáveis vezes nas passarelas e no red carpet. O acabamento pode ser polido ou com cara de desfeito. “Para conseguir esse resultado, puxe os gomos da trança no sentido contrário ao que ela foi feita”, ensina a cabeleireira Gabriela Gusso. Se preferir fios mais presos, vá de coque. Para que as tranças fiquem bem feitinhas, espalhe pomada nas mechas, antes de entrelaçá-las.

SOLTO COM AR ROMÂNTICO As tranças dão um ar descontraído ao visual e, por isso, rejuvenescem. Ainda assim, é importante tomar alguns cuidados: “Se escolher um penteado trabalhado demais, a maquiagem deve ser minimalista ou sexy, para fazer um contraponto”, diz o maquiador Ricardo dos Anjos. Para que o cabelo ganhe volume e balanço, faça rolinhos nas mechas, deixando a ponta dos fios para dentro. A sugestão para incrementar o look é usar uma flor no final da tiara trançada. As orquídeas de tecido apareceram no desfile de verão de Marc Jacobs. 

LONGO DISCRETO 
Quem quer apenas quebrar a monotonia do visual pode fazer uma trança fininha na lateral ou distribuir duas ou mais por toda a cabeça. Essa opção também é ideal para mulheres com pouco cabelo. Grampos ou elásticos coloridos podem ser usados para prender as
mechas e alegrar o look. “Independentemente do pentead
o e da espessura da trança, é importante que os gomos fiquem sempre do mesmo tamanho”, diz Gabriela Gusso.

Marie Claire

   



Nenhum comentário:

Postar um comentário